22 medalhas, sendo 18 delas de ouro – nem o fato de ser o maior atleta olímpico da história fez com que o nadador Michael Phelps conseguisse não ficar sem jeito diante do seu ídolo de infância, Michael Jordan. “Eu tive o privilégio de encontrar a pessoa que eu olhei por toda a minha vida. Na verdade, eu ainda estou em choque. Continuo em choque, eu não posso acreditar que eu congelei quando encontrei MJ essa noite. Não pedi uma foto porque estava em choque”, afirmou Phelps em sua conta no Twitter, durante uma gravação na televisão americana.