Você já conhece este verdadeiro revoltado do mundo dos games? Se não, tenho certeza que vai gostar do cara!

Já a alguns bons anos no YouTube há uma série muito conhecida e querida por nerds, geeks e gamers: o bom e velho “Angry Videogame Nerd”. Criado por James Rolfe, ele anteriormente era conhecido como “The Angry Nintendo Nerd”, pois só detonava games e consoles da Big N. Porém ele logo percebeu que o mundo estava assolado por elementos malignos vindos de muitas fabricantes diferentes e, como resultado, decidiu aumentar seu leque de alvos. Desta maneira o nerd tornou-se mais eclético e não mais poupava absolutamente nenhum fracasso conhecido (ou não) do mundo dos games.

O que o cara faz em seus vídeos é basicamente isto: escolhe um game, console ou periférico para testar, apresenta-nos TODAS as características negativas que ele tem a nos oferecer (xingando descontroladamente enquanto faz isso) e, no final, faz alguma brincadeira (real ou não) para destruir esta “mácula”, simbolicamente nos livrando da praga para sempre.

A série é um tremendo sucesso e acumula centenas de milhares de visualizações em cada vídeo. Recentemente começou a ser legendada por fãs brasileiros de maneira não oficial, e este é o momento perfeito para apresentar este revoltado aos leitores do Blog POP Nerd & Geek!

Como primeiro episódio, conheça um pouco mais sobre o pré-histórico SEGA 32X: o acessório que deveria transformar o Mega Drive em uma plataforma de jogo potente e prolongar sua vida útil, mas que na verdade foi um dos maiores fracassos conhecidos na história dos videogames (uma prova viva de que a SEGA já estava completamente perdida em suas decisões e projetos, infelizmente…)

Dê um “play” no nerd furioso abaixo (e que fique avisado que o cara dispara quase tantos palavrões por minuto quanto a Dercy Gonçalves costumava disparar) e divirta-se com esta aula de história gamística: