Demorou, mas enfim o MTV Video Music Awards voltou a ser o que era: uma noite de grandes estrelas do mundo da música. Após uma infinidade de edições completamente sem sal e artistas com pouca visibilidade em nosso país, a versão 2011 da premiação reuniu diversas celebridades do pop – com grande destaque para as participações de Lady GaGa, Britney Spears, Adele, Beyoncé e Katy Perry.

O evento iniciou pontualmente às 22 horas (horário de Brasília) com um monólogo chato de Lady GaGa, encarnada em seu alter ego masculino Jo Calderone. Após falar o quão louca ela é, a cantora apresentou seu mais recente single “Yoü & I” ao lado de Brian May, guitarrista da banda Queen. Em determinado momento de seu show, ela tentou descer do piano e caiu no chão. Veja sua performance:





Logo após, Britney Spears levou para casa o primeiro Astronauta de Prata da noite na categoria Melhor Clipe Pop, por “Till The World Ends”. Após um intervalo, Jay-Z e Kanye West fizeram a segunda apresentação da noite com o single “Otis”, que contou com um show pirotécnico e um fã invadindo o palco. A banda “Foo Fighters” levou o troféu de Melhor Clipe Rock com “Walk”, enquanto Nicki Minaj surpreendeu ao ganhar o Melhor Clipe Hip Hop com “Super Bass”.

Katy Perry fez sua primeira aparição (com horríveis cabelos cor de rosa) ao receber o prêmio de Melhor Parceria Musical com Kanye West, pela canção “ET”. Ao ver o parceiro, ela fez uma piadinha perguntando se ele a interromperia, fazendo alusão ao ocorrido há dois anos, quando o rapper arrancou o microfone de Taylor Swift para revelar que o prêmio que a cantora country ganhou deveria ser dado para Beyoncé. Perry, também anunciou um grande momento da noite, a apresentação de Adele e seu hit “Someone Like You”. Após seu show, a inglesa foi aplaudida de pé pelos presentes. Veja o vídeo clicando aqui.


Justin Bieber (cada dia mais parecido com Maria Gadu), que estava um pouco apagado, ganhou o prêmio de Melhor Clipe Masculino por “U Smile =)”. Então, o momento mais esperado da noite (pelo menos por mim) havia chegado: o tributo a Britney Spears. Lady Gaga, ainda vestida como Calderone, fez um pequeno discurso seguido de um grupo de bailarinas recriando coreografias, vestuário e videoclipes da princesa do pop, que caiu no riso e nas lágrimas.

A performer recebeu o prêmio “Lifetime Achievent Award” (também conhecido como prêmio “Michael Jackson”) por sua trajetória – e se recusou a dar um beijo na Mother Monster. Modesta, ela preferiu falar mais de Beyoncé, que em seguida apresentou todos os seus feitos em dez anos de carreira.





Beyoncé também garantiu a noite, cantando ao vivo e revelando que está grávida de seu primeiro filho. Sem dúvida, um dos melhores momentos do show da MTV.




Com a noite chegando ao fim, o Prêmio Revelação foi dado ao rapper Tyler, The Creator, que foi seguido da apresentação da banda Young The Giant. Para finalizar, ouve um tributo sem sal para Amy Winehouse, válido pela presença de Tony Bennett. A festa foi encerrada pelo Clipe do Ano, categoria vencida por Katy Perry e “Firework”.

Sem dúvidas, foi uma noite em que as mulheres e o pop dominaram a indústria musical.


Por Rapha Malaquias